Funcionários terceirizados da UFSC entram em greve

Texto e fotos: Priscila dos Anjos (priscila.anjos88@gmail.com)

Em protesto contra o atraso de salários deste mês, funcionários da empresa  Khronos, que prestam serviços à Universidade Federal de Santa Catarina entraram em  greve. O pagamento que deveria ter ocorrido até o quinto dia útil de maio ainda não foi depositado. Segundo os vigilantes os atrasos ocorrem desde janeiro.

Pela manhã o Sindicato dos Vigilantes (Sindvig/Fpolis) participou de um reunião com representantes da Reitoria. Segundo o presidente do Sindicato Luiz Carlos da Silva a Universidade pediu para que a empresa se responsabilize pelo pagamento dos salários, para garantir a execução dos serviços na Universidade.

O Departamento de Finanças e Contabilidade da UFSC disse que não há previsões para os repasses de verbas.

Vídeo produzido pelo Canal TAEs Livres:

No começo da tarde cerca de 30 vigilantes realizaram ato contra os atrasos:

[widgetkit id=8882]

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.