UFSC recebe espetáculo Dança em Trânsito

Texto e imagens: Andressa Santa Cruz (santacruzandressa@gmail.com)

Dias ensolarados costumam atrair estudantes para os ambientes abertos do campus como nesta quinta-feira, 1º de setembro, só que dessa vez o sol não foi a unica atração. A universidade foi palco do espetáculo Dança em Trânsito e contou com duas apresentações: “Contigo” e “Entretantos – Mendigo Moderno”.

A primeira atração foi a do português João Santos que viaja há dez anos pelo mundo subindo e descendo um poste de 6 metros de altura. “O Contigo é um espetáculo de duas horas onde eu separo três minutos para ficar parado lá no topo, só viajando”, conta o artista que prendeu a atenção do público com suas habilidades físicas presentes em cada gesto da dança.

Já o segundo espetáculo foi protagonizado pela dupla carioca, Danilo D’Alma e Ricardo Muralha. “Minha performance é de fora para dentro e depois de dentro para fora”, destaca D’Alma que se baseava nas ações do público para improvisar sua coreografia. Enquanto isso, Muralha providenciava a trilha sonora com beats psicodélicos feitos no IPad e reproduzidos através de dois galões de água vazios. “Valorizamos a espacialização do som e esta caixa, que apelidamos de Galões de Nuvem, nos permite carregar a música para qualquer lugar, em qualquer rua”, explica Muralha simbolizando a essência da apresentação “Entretantos – Mendigo Moderno”.

Ambas as apresentações fazem parte do Festival Dança em Trânsito que surgiu na cidade do Rio de Janeiro para promover, democratizar e divulgar a dança contemporânea em todo país. Para os interessados em assistir os espetáculos, é só acompanhar a programação no site Dança em Trânsito.

Confira as fotos:

 

[widgetkit id=13616]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.