Por um campus mais bonito

Texto e fotos: Ediane Mattos (edimattos@gmail.com)

Aconteceu nesta quinta-feira, 22, o replantio de 1.600 mudas de plantas, distribuídas nas três rótulas da UFSC e no canteiro conhecido como Catatau. A atividade prática é desenvolvida pelos alunos da 8ª fase de Agronomia da UFSC, na disciplina de Plantas Ornamentais e Medicinais, ministrada pelos professores Enio Luiz Pedrotti e Marcelo Maraschin.

As mudas foram produzidas no semestre passado e entre elas estão: Girassol Anão, Camarão-amarelo, Cravos de defuntos (tagetes), anão e gigantes, uma planta muito rústica que tolera condições adversas, e Zinnia Elegans, que atrai muitos insetos. “A gente espera que a administração do campus perceba que a arborizaçãodo, que o ajardinamento do campus, merece um pouco mais de carinho.”, comenta Pedrotti.

Para o professor Pedrotti, se os alunos de Agronomia puderem fazer o plantio com a ajuda de alunos de outros cursos será possível e fácil tornar o campus mais bonito. Essa parceria já está sendo realizada no Centro Socioeconômico. “A administração do CSE mobilizou os centros acadêmicos, para que os alunos possam plantar, com a orientação dos alunos de agronomia.”, informou.

O professor lamenta a falta de conscientização da comunidade acadêmica no cuidado com os jardins da UFSC. “A responsabilidade de manutenção é de cada aluno, servidor, professor e cada visitante que passa aqui dentro. Porque se um planta e outro vem e pisa em cima a responsabilidade passa a ser de quem? De quem plantou ou de quem destruiu?”

De acordo com o professor, depois de uma festa, no mínimo 20% dos canteiros ficam destruídos. “Isso tem desanimado muito quem replanta. Os alunos nem percebem, mas quem faz isso cotidianamente fica sentido”, lamenta. “A comunidade acadêmica deve perceber o campus como seu, e a partir disso cuidar dele. Porque se ela não perceber dessa forma ela não vai cuidar porque não lhe pertence. O trabalho de conscientização é importante para ter um campus mais bonito que esse aqui”..

Produção

Além do plantio, os estudantes da disciplina de plantas ornamentais precisam produzir as mudas que serão plantadas pelos alunos da turma seguinte, no próximo semestre. Para isso são divididos em duplas e cada uma tem que produzir 200 mudas. Há duas unidades de produção, no viveiro de plantas do CCA e outro na Fazenda da Ressacada. A produção das mudas envolve conhecimentos adquiridos até a 8ª fase do curso de agronomia, fisiologia da planta, nutrição de plantas, irrigação, solo, hidráulica etc.

A atividade conta com o apoio da Pró-reitoria de Planejamento (ProPlan) que fornece os insumos cotidianos para a produção das mudas.

[widgetkit id=2278]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.