Pesquisadora da UFSC investiga hábitos alimentares dos calouros

Reportagem: Luiza Kons (lupkons@gmail.com) e Nahomie Laurore (nahomielaurore @gmail.com)

Basta conversar ao acaso com  universitários da UFSC para perceber que existem várias questionamentos no que se refere a administrar a própria alimentação. As dúvidas sobre quais alimentos escolher e como preparar as próprias refeições só aumentam se o estudante deixa de morar com os pais. A situação não é muito diferente em outras universidades do país e também do mundo.  Depois de encontrar um grupo de pesquisadores da Universidade de Clemson nos Estados Unidos que disponibilizavam um questionário considerado mais completo para avaliar as habilidades culinárias associadas a alimentação saudável, a doutoranda em nutrição Manuela Jomori decidiu adapta-lo a realidade do Brasil  “A ideia é de estudar os costumes alimentares dos egressos da Universidade Federal de Santa Catarina”.

DSC_0210
Doutoranda em nutrição Manuela Jomori

A meta é que até o final de novembro 800 calouros (entre o primeiro e o segundo semestre) respondam o questionário disponível no portal do Núcleo de Pesquisa de Nutrição em Produção de Refeições (NUPRE). A hipótese da nutricionista associa o período que os  jovens saem de casa e criam autonomia sobre o que comer ou como fazer a própria comida, com um período associado a alimentos de baixo valor nutricional “os resultados da pesquisa podem contribuir em formentar uma política de saúde pública para estudantes brasileiros, que ainda não existe no Brasil”.

O doutorado de Jomori faz parte de um grande projeto em habilidades culinárias que está associada a outras pesquisas:como o  dá também doutoranda em nutrição  Greyce Bernardo que vai selecionar participantes que responderam ao questionário, e ajuda-los a aprimorar suas habilidades culinárias.

Confira, na nossa galeria abaixo, os perfis alimentares de cinco estudantes:

[widgetkit id=10457]

Leia também:

http://cotidiano.sites.ufsc.br/acucar-o-doce-que-adoece/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.