Na oficina da Ampera Racing

Fotos e texto:
Matheus L.Vieira (matheusjorvieira@gmail.com)

Caminhando pelo Centro Tecnológico (CTC) da UFSC, seguindo pelo caminho dos coqueiros, próximo à Reitoria, você deverá parar em frente a uma inusitada casa marrom, o bloco B da Engenharia Mecânica. Ao seguir escada abaixo, irá se deparar com corredores preenchidos pelos sons de máquinas, marteladas e soldagem. Caso procure bem, poderá encontrar a oficina do Ampera Racing – projeto interdisciplinar formado por 32 alunos, divididos entre as engenharias: Mecânica, Produção Mecânica, Eletrônica, Elétrica e Controle e Automação. Se você for do tipo que curte direcionamento, aqui vai: desça a escada e vire à direita, siga reto e vire na segunda à esquerda, após passar uma porta de metal, entre na primeira à esquerda e “tcharam”, bem vindo à oficina.

O projeto tem como objetivo montar e testar um veículo elétrico de alto desempenho voltado à competição estudantil Fórmula SAE (Sociedade de Engenheiros Automotivos*)- competição de desenvolvimento de automóveis que pode chegar ao âmbito internacional.

Tendo se consolidado como o principal projeto de carro elétrico do sul do país, o seu diferencial está no fato do automóvel ter dois motores.Fomos dar uma olhada no ambiente onde a máquina é criada e aprimorada:

[widgetkit id=11997]

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.