Professor da UFSC é autor de livro sobre TCC

Written by admin on . Posted in Reportagens

Reportagem: Pablo Mingoti (pablomingoti@gmail.com)

Jonny Carlos da Silva lançou, nesse ano, o livro “Trabalho de Começo de Carreira: um guia coaching para decolar na carreira com seu TCC”

995563_762366350447458_330790312_n

Todo estudante universitário precisa fazer um Trabalho de Conclusão de Curso para se graduar, conhecido como o famoso TCC. O problema é que surgem muitas dúvidas de qual o assunto, a abordagem e o orientador a escolher. O professor de Engenharia Mecânica, Jonny Silva teve a ideia de escrever o livro “Trabalho de Começo de Carreira: um guia coaching para decolar na carreira com seu TCC” quando lecionou a disciplina de TCC e observou que os alunos tinham dificuldades.

Professor universitário há mais de 20 anos, Jonny foi pesquisador junto à Universidade de Lancaster, Inglaterra e teve o seu trabalho de doutorado reconhecido com o Prêmio Shaping the Future, pela Universidade de Hannover, Alemanha. Além disso, possui pós doutorado junto à NASA e é palestrante de vários congressos e conferências.

O Cotidiano UFSC conversou com Jonny que tirou algumas das principais dúvidas de estudantes em relação ao TCC. Confira abaixo:

 livro1

Cotidiano UFSC: Qual deve ser a postura de um aluno ao pensar o Trabalho de Conclusão de Curso
(TCC)?

Jonny Silva: É muito bom iniciar com esta questão, pois é justamente a reflexão sobre atitude que deve
servir como ponto de partida, isto é tratado no livro. Muitos alunos encaram o TCC como um fardo, algo a ser “carregado” nas costas. A proposta do livro é ter um ponto de vista diferente sobre este trabalho, olhando o TCC como uma grande oportunidade, tanto durante quanto depois do curso.

Cotidiano UFSC: Você poderia dar dicas aos alunos de como deve ser a escolha de um TCC? (separar
por etapas).

Jonny Silva:  A ideia do livro é mostrar um processo pelo qual o aluno seja orientado a fazer o TCC de forma objetiva, tendo em mente o potencial deste trabalho para impulsionar sua carreira após a universidade. Como abordado na questão anterior, é fundamental ter uma atitude proativa em relação ao trabalho. O livro propõe que o coaching seja usado como estratégia para analisar a atitude pessoal do estudante em relação ao TCC, possibilitando mudar esta atitude caso a mesma não seja positiva. Uma vez resolvida esta questão, a proposta é exercer o poder da escolha de forma mais vantajosa possível ao estudante. Independentemente do nível do curso ou sua especialidade,
o estudante terá que escolher área e tema em que fará o TCC. Em grande parte, o desempenho será comprometido por esta escolha. O livro traz inclusive casos em que um trabalho de conclusão de curso norteou a vida de seu autor de forma definitiva. Na sequencia, é fundamental a escolha do orientador. Neste sentido, o livro apresenta dicas
sobre como escolher um bom orientador, inclusive propondo que o estudante “avalie” o orientador antes da escolha. O livro fornece também um guia de como abordar o orientador. Sobre o planejamento, o livro aborda quando este deve começar, que é bem antes do que muitos alunos pensam, e de que forma a ideia do TCC pode servir para balizar o curso do estudante. Também traz um processo de planejamento do TCC, que pode ser adaptado a outros elementos da carreira do estudante.

Cotidiano UFSC: Como que o TCC pode ser utilizado após a graduação?

Jonny Silva: Existem várias opções sobre como o TCC pode ser usado após a graduação. Por exemplo, em geral, na primeira entrevista para trabalho, o empregador analisa o histórico escolar do aluno, onde a nota do TCC aparece de forma muito simples, e o currículo que se resume a itens descritos em poucas páginas. Dependendo do contexto, o estudante poderá levar um resumo de seu TCC, ou mesmo uma cópia para deixar na entrevista, usando o trabalho
como um “cartão de visita”, principalmente se o tema do TCC for de interesse da organização. Outra forma de utilizar o TCC é como ponto de partida para empreendimento. Neste sentido, o livro traz entrevistas com pessoas que  conseguiram usar seu trabalho como uma “semente para algo maior”. Traz também dicas de como procurar investimento para iniciar empresas. Tem ainda a ideia de usar o trabalho como uma introdução ao mestrado, sobre isto o livro também apresenta algumas reflexões.

Cotidiano UFSC: E como deve ser o planejamento para a produção do TCC?

Jonny Silva: Como mencionado, o planejamento do TCC deve envolver várias questões e começar bem antes do que muitos imaginam. Pesquisei várias referências e algumas sugerem até iniciar a busca por tema e orientador assim que o aluno começa a ter contato com as disciplinas específicas de sua formação. Apresento um método de planejamento, que aplico na disciplina onde leciono, base para escrita deste guia. Este método é bem amplo e pode ser aplicado a diferentes campos da carreira profissional. Também tenho notado que a tarefa de elaboração do TCC, propriamente dito, é subestimada pelos estudantes. É muito comum ver um estudante dizer algo como “já tenho
todo trabalho pronto, falta apenas escrever”. Até por constatar a dificuldade com a linguagem escrita, o livro sugere como pode ser o processo de elaboração e revisão, que muito depende da postura e disponibilidade do orientador.

Cotidiano UFSC:  Na sua opinião, quais são as maiores dificuldades dos universitários durante a produção?

Jonny Silva: As dificuldades são várias, mas diria que as maiores são: ter uma atitude proativa, exercer bem a escolha do tema e orientador. É bem possível que esta dificuldade seja resultado do modelo em que se baseiam grande parte dos nossos cursos, onde o estudante tem pouca escolha, pois a carga de disciplinas obrigatórias é bem extensa sobrando pouca liberdade. Daí, quando o estudante deve exercer novamente esta habilidade de escolha, muitas vezes, sente-se meio perdido. De certa forma, é disto que o livro trata, mostrando desde o início a possibilidade de vislumbrar uma grande oportunidade para o TCC, não apenas dentro da universidade, mas
como um elemento para plano de carreira.

Cotidiano UFSC:  Conte um pouco de como surgiu a ideia de escrever o livro “Trabalho de Começo de Carreira: um guia coaching para decolar na carreira com o seu TCC”.

Jonny Silva:  A ideia do livro veio da experiência de alguns anos como responsável pela disciplina de
TCC na Engenharia Mecânica. Percebi que muitos alunos tinham várias questões em comum tanto sobre TCC quanto sobre carreira. Particularmente, comecei a pesquisar mais o tema em função do interesse que minha própria carreira despertou em alguns alunos, como ocorreu em 2012, por ocasião de algumas palestras técnicas que proferi para divulgar os trabalhos do pós-doutorado que realizei na NASA. Também tinha sido coordenador da graduação da Engenharia Mecânica por quatro anos antes de morar na Califórnia, período em que tive contato frequente com formandos. Em função disto, resolvi fazer formação em coaching, me  concentrando na área de carreira. Pode-se dizer que o livro é uma combinação de três elementos: a experiência de orientação, a formação e prática em coaching, e a pesquisa de referências.

Cotidiano UFSC:  Você também trabalha como coach. Como que o coaching pode ajudar na produção
de um TCC?

Jonny Silva: Em função das atividades que tenho exercido, resultando em pouca disponibilidade de tempo, no momento não estou atuando “formalmente” como coach, no sentido de acompanhar um coache e em um processo em busca de uma meta. Contudo, como apresentado no livro, anos atrás, pude aplicar o coaching no âmbito da UFSC, obtendo resultados muito bons. Um dos resultados que mais destaco foi o caso de uma doutoranda
que estava com algumas dificuldades em seu trabalho, mas que através do coaching foi estimulada de tal forma que aplicou para fazer pós-doutorado em Oxford, fazendo disto uma forma de motivar sua conclusão do doutorado, tendo logo depois ido pesquisar naquele centro de referência mundial. Gosto de ressaltar que embora não venha “atuando formalmente como coach”, aplico alguns elementos do coaching na minha postura como orientador e gestor. Sobre o potencial do coaching para o TCC, pelas técnicas que ele sugere e pela possibilidade dele “ampliar” as perspectivas do indivíduo diante de adversidades, acredito plenamente neste método, tanto que o fiz um dos pilares do livro.

Trackback from your site.

Leave a comment