Um escoteiro de 69 anos

Texto e vídeo: Merlim Malacoski ( merlimiriane@gmail.com )

A sala estava aberta. Lá dentro pilhas e mais pilhas de livros e o rádio ligado em uma estação qualquer. De barba branca e sempre sorrindo, o professor Luis Salgado  Klaes olhava um mapa na internet. Nascido no Rio de Janeiro em 1942, veio para Florianópolis em 1964 entrou na UFSC, pra fazer graduação, em 1966. É formado em Administração, Economia e Matemática;  fez mestrado em Engenharia Industrial, e em Educação Pública e doutorado em Mídia e Conhecimento. “Tudo aqui na UFSC”, como gosta de lembrar. Klaes dá aula na universidade desde 1970, onde leciona Cooperativismo no curso de Administração. Mas sua grande paixão é o escotismo.

 Klaes é escoteiro desde 1959, mas garante: “não fui um grande escoteiro, nem cheguei a sênior…”.  O professor lembra que dos amigos dos primeiros anos de escotismo no Rio de Janeiro  “provavelmente ninguém mais esteja de pé, já foram fazer acampamento em outro campo”. Desde que veio para Florianópolis, passou por três grupos escoteiros e atualmente faz parte do G.E. do Ar Major Brigadeiro Alberto Bins Neto, grupo  que ele mesmo fundou e que funciona na Base Aérea. Um prato cheio para Klaes, um apaixonado por aeronaves, que gosta de usar comparações com pipas para explicar o funcionamento dos aviões para as crianças.
Nos anos 80, Klaes morou por dez anos no exterior e participou do movimento escoteiro em países como Alemanha, Portugal e Itália, onde “as brincadeiras são diferentes, mas a essência é a mesma”.  Segundo ele, o que muda em relação ao Brasil é que lá fora escolas, igrejas e algumas empresas fazem questão de ter seu próprio grupo escoteiro, aqui não.  Para o professor, é esse tipo de falta de incentivo que faz muitos desistirem do movimento escoteiro, o que definitivamente não está nos planos dele.
A lista de funções que Klaes já exerceu ou exerce no movimento escoteiro é grande: Coordenador Regional do JOTA/JOTI (1990-2006); Coordenador do Mutirão Nacional Pioneiro (1991); Membro da Comissão Nacional de Crescimento (2002-2007); Membro da Comissão Fiscal Nacional (1992-2004); Coordenador Regional da 1ª Regata Baden-Powell (2009); Chefe de Grupo e Chefe de Tropa – Gr. Esc. Ar 22SC (1988-1991); Chefe de Grupo e Chefe de Tropa – Gr. Esc. Ar 36SC (1991-1992); Comissário Nacional da Modalidade do Ar (1992-2004) Assistente Regional da Modalidade do Ar (1990-1996); membro da Comissão Nacional Relações Internacionais (desde 2007); Membro do Conselho de Administração Nacional (2004-2011); Presidente, Diretor Técnico e Chefe de Tropa – Gr. Esc. Ar 66SC (1992-2010) e Membro da ERA/EReF (1993-2010).

O professor também participou de três Jamborees Mundiais (Holanda 1995, Chile 1999 e Inglaterra 2007); quatro Jamborees Panamericanos (Bolívia 1994, Guatemala 1996, Brasil 2001 e Argentina 2005); três Conferências Mundias (Tunísia 2005, Coréia 2008 e Brasil 2011) e duas Conferências Panamericana (Equador 2007 e Panamá 2010).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.